Inicialmente é importante destacar o meu agradecimento pela oportunidade que os Piauienses me deram para representá-los nesses 4 anos na Câmara dos Deputados (2011-2014). Foram 4 anos de muita dedicação em diversas áreas de atuação, bem como na luta constante por obtenção de recursos para beneficiar o Estado do Piauí e produzir melhorias nas condições de vida do Piauiense. Por isso, quero, em primeiro lugar, deixar registrado o meu agradecimento pela confiança em mim depositada e, ao mesmo tempo, ressaltar o meu orgulho por essa distinção.

A atividade parlamentar, como muitos pensam, não se resume às votações, discursos e proposições no Congresso Nacional ou na busca de recursos junto ao Governo Federal. A atividade parlamentar é muito mais do que isso. É uma dedicação diária de corpo e alma em benefício do povo e em nome do povo deve ser exercida. Não existe um minuto sequer em que você não esteja pensando em como melhorar a vida do cidadão, em como resolver os principais problemas que afligem a sociedade e no impacto do seu trabalho para alcançar melhores condições de vida para a população.

Hoje, mais do que nunca, tenho a visão de que a atividade parlamentar, como um grande empreendimento, deve ser exercida de uma forma organizada, planejada, e pautada com objetivos bem definidos e estratégias de ação claras e bem estabelecidas para que possamos obter os melhores resultados para a coletividade. Por isso, estamos apresentando um Plano de Compromissos de Atuação, com objetivos bem definidos e ideias de ações preestabelecidas, para alcançar o melhor resultado do trabalho parlamentar.

O Estado do Piauí e seus Municípios precisam vencer grandes desafios. O maior deles, sem dúvida, é promover o retorno do interesse econômico para investimento, promover a geração do emprego e renda, fortalecer a rede de assistência social e melhorar as condições de vida da população. A economia fortalecida se traduzirá em ampliação dos postos de trabalho, da melhoria da condição financeira do cidadão, de gestão adequada da educação formal e profissional para jovens e adultos que, consequentemente, acarretará o desenvolvimento e a justiça social.

Inclusão Social

Não valerá a pena um desenvolvimento econômico sem a devida inclusão do cidadão no aproveitamento dos seus resultados. O objetivo maior do trabalho do agente público deve ser o bem-estar de sua população, o que requer uma orientação estratégica de equidade e justiça sociais. A inclusão social baseia-se numa estratégia de adoção de mecanismos de inserção da sociedade apoiados na educação, saúde, saneamento, distribuição de renda e geração de oportunidades. Essa inclusão permite pensar num ciclo virtuoso de prosperidade e bem-estar.

Envolvimento e Parceria

Mas, para vencer os desafios e promover a efetiva inclusão social, é necessário uma atuação parlamentar integrada com o Governo do Estado e o Governo Federal. Nesse sentido, uma ação organizada e planejada trará grandes resultados, pois o foco da atividade parlamentar estará concentrado em objetivos estruturados e bem definidos, maximizando o trabalho e otimizando o resultado final em benefício do desenvolvimento do Estado e na melhoria de vida do cidadão Piauiense.

O Fundamento Principal: A FAMÍLIA

A minha linha de atuação parlamentar continuará focada, em todos os sentidos e em primeiro lugar, para BENEFICIAR A FAMÍLIA PIAUIENSE. Por isso, escolhemos 3 Objetivos Básicos, com diversas Áreas de Atuação, tendo como Objetivo Principal o bem-estar da FAMÍLIA PIAUIENSE, que para nós é o centro, o resultado final de todo o nosso trabalho, de todo o nosso esforço. Ao melhorar as condições de vida das famílias Piauienses, consequentemente, estaremos promovendo o desenvolvimento do Estado.

Uma Visão de Futuro

As transformações por que lutamos visam gerar um bem-estar na nossa população e estabilidade econômica do Estado e Municípios. Isso gerará um ponto de credibilidade interna e externa para que o nosso Estado possa atrair novos investimentos tanto de empreendedores locais, quanto de agentes externos. É fundamental uma visão de horizonte de médio e longo prazos para estabelecermos, hoje, as bases sólidas de modo que possamos caminhar seguros dos passos seguintes. Por isso, nossa visão de futuro passa por um conjunto de ações do presente como premissa para o desenvolvimento definitivo do Estado e para as futuras ações. Com este Plano de Ação, pretendemos empreender avanços na formação do nosso capital humano, com atenção significativa nos indicadores de educação, saúde, bem como ampliar as condições para o ingresso e permanência da população economicamente ativa no mercado de trabalho.

Nós, piauienses, precisamos acreditar na capacidade de reação do Estado. Não podemos mais permitir que os nossos talentos busquem outros estados para atuar por falta de oportunidades em nosso Piauí. Precisamos e podemos mudar essa situação! Nosso futuro passa por uma aposta na formação e capacitação de nossas crianças, de nossos jovens, e na inclusão dos adultos nos processos produtivos dos municípios e do Estado. Um grande desafio se impõe pela frente: promover mudanças efetivas que possam ser traduzidas na redução dos níveis de pobreza, na modernização da nossa economia, na geração de emprego e renda, no aproveitamento da capacidade e talento do nosso povo e na inserção do Estado no cenário Nacional.

PIAUÍ VIDA MELHOR

Concentra um conjunto de ações, propostas e compromissos que visam a melhoria da qualidade de vida da população, buscando resgatar os serviços sociais básicos como educação, saúde, mobilidade urbana, proteção à mulher, qualificação profissional, assistência social, cultura, esporte, lazer, saneamento básico, habitação, primeira infância, combate às drogas e recuperação de dependentes, segurança, proteção e preservação do meio ambiente.

PIAUÍ EMPREENDEDOR

Consiste em ampliar as oportunidades de emprego e renda envolvendo ações, propostas e compromissos que induzirão o crescimento econômico por meio do fortalecimento das micro e pequenas empresas e empreendedores individuais, com a atração de investimentos, implementação de uma política integrada de turismo, desenvolvimento de uma política agrícola focada no agronegócio, na irrigação, fruticultura e agricultura familiar, na revitalização dos projetos de piscicultura, fortalecimento da indústria de pescado, do artesanato e do cooperativismo, bem como a renovação, expansão e implantação de projetos de infraestrutura.

 PIAUÍ INTEGRADO

Estabelece como foco a promoção do desenvolvimento local e regional, representando uma alternativa para dinamizar a economia municipal, com o aproveitamento de ações integradas que envolvam o interesse do Estado e dos municípios. Com isso, a utilização dos recursos será otimizada beneficiando os municípios e o próprio Estado. A integração passa, também, pelo fortalecimento dos municípios piauienses, não apenas na captação de recursos, mas especialmente nas alternativas de soluções de seus problemas, mediante a inserção de suas demandas nos programas e projetos dos Governos Federal e Estadual.