Dep. Iracema PortelaDEPUTADA FEDERAL

Iracema Portella é a terceira mulher piauiense a ocupar uma cadeira na Câmara Federal. Reelegeu-se deputada federal para o segundo mandato, em 2014, com expressivos 121.121 votos, a terceira mais votada no Estado. É natural da cidade de Teresina, Piauí, nascida em 23 de abril de 1966, filha do ex-governador e ex-senador Lucídio Portella e ex- deputada da constituinte, Myriam Nogueira. Iracema formou-se em Letras, na Universidade Estadual do Piauí (UESPI). Casada com o senador Ciro Nogueira, é mãe de três filhas. 

Desde que assumiu seu mandato, tem atuado em Comissões de grande expressão nacional: Defesa do Consumidor, Direitos Humanos, Comissão Parlamentar de Inquérito – Turismo Sexual e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, Comissão Especial da Primeira Infância, além da CPI de Violência contra a Mulher e Comissão Permanente de Seguridade Social e Família. Nesta nova legislatura (55ª), assumiu, além da Comissão de Defesa do Consumidor e Direitos Humanos, a titularidade da Comissão Permanente Mista de Combate à Violência contra a Mulher e da CPI da Violência contra Jovens Negros e Pobres.

Na Câmara dos Deputados, já apresentou vários Projetos de Lei, Requerimentos e Indicações ao Executivo. Tem atuado em importantes votações no plenário e nas comissões, além de fazer parte de diversas Frentes Parlamentares, como a de Apoio às Santas Casas de Misericórdia, Hospitais e Entidades Filantrópicas na Área da Saúde, Defesa dos Aposentados e Pensionistas, Defesa da Biblioteca Pública, Enfrentamento às AIDS, Defesa da Policia Rodoviária Federal, entre outras.
Outra prioridade da deputada progressista é o enfrentamento ao crack e demais drogas. A parlamentar é engajada nessa causa, com o compromisso de dar uma contribuição ao País nessa área tão complexa, oferecendo um conjunto de propostas concretas para melhorar a legislação e aprimorar as políticas públicas de prevenção, tratamento, reinserção social dos dependentes químicos e repressão ao tráfico. 

Iracema Portella atua também na defesa das Comunidades Terapêuticas, Acolhedoras e as APACs, batalhando junto ao Governo, em suas três instâncias de poder, para apoiar e financiar essas entidades, que desempenham papel fundamental no tratamento e na reinserção social de milhares de dependentes químicos em todo o Brasil.

Ela tem participado ativamente de diversos eventos e visitas aos municípios piauienses, estreitando os laços com as prefeituras e lideranças locais. Para Iracema, esse contato com os municípios é a melhor forma de conhecer quais são as reais demandas do povo do Estado, ouvindo as pessoas, acolhendo suas sugestões e também suas críticas, essenciais para que possa melhorar seu trabalho em prol do Piauí.

A deputada defende que a educação e a formação técnico-profissional são fundamentais para a elevação da autoestima, para a afirmação da cidadania e para a redução dos patamares de exclusão social, com o crescimento equitativo da ocupação e da renda. É essencial, para ela, a recuperação dos níveis de escolarização, para que seja possível garantir o sucesso das políticas de geração de empregos e renda para a população.

Uma área que merece atenção especial da parlamentar é a que envolve políticas públicas de saneamento básico, abastecimento de água, controle da dengue, de doenças diarreicas e das infecções respiratórias agudas. Investir nesses setores promove grandes saltos no bem-estar e melhoria da saúde. Por isso, são centrais os programas de saúde voltados para o atendimento familiar, particularizado, agindo sobre todos os integrantes dos lares, com ações preventivas diretas e educativas em nível complementar.
Iracema vem atuando ativamente junto às lideranças femininas do Piauí para ampliar e qualificar a participação das mulheres na vida pública do Estado e do Brasil. Entre seus compromissos, está também a luta pela melhoria da qualidade de vida, pela inclusão social das populações menos favorecidas e pelo acesso ao direito à moradia digna.

A deputada federal dedica especial atenção aos temas que dizem respeito aos direitos de crianças, jovens e mulheres, com ênfase na saúde feminina.  Ao lado dos parlamentares da bancada federal do Piauí, Iracema tem lutado pelos interesses do  Estado, para que possa seguir avançando cada vez mais na direção de um modelo de desenvolvimento que seja capaz de aliar o crescimento econômico à distribuição de renda.

Outra grande preocupação de Iracema Portella são os sucessivos problemas com o fornecimento de energia no Estado, que já começam a produzir perdas consideráveis à economia, tanto para os empresários quanto para as demais redes de serviços locais. Na opinião da parlamentar, a falta de energia elétrica não pode virar rotina na vida dos piauienses. As interrupções no fornecimento de energia têm sido alvo de queixas diárias de consumidores, que também alertam para a baixa qualidade dos serviços prestados.

A mobilidade urbana passou a ocupar lugar de destaque na agenda de prioridades da parlamentar progressista. Essas grandes obras são importantes para melhorar a locomoção dos piauienses. Iracema Portella tem se empenhado em melhorar a mobilidade urbana para garantir o ir e vir seguro, com um transporte rápido e fácil para todos no Estado.